news.med.br

Mais acessados

Consumo excessivo de álcool no início da adolescência está associado a resultados deletérios na maturação microestrutural da substância branca

Consumo excessivo de álcool no início da adolescência está associado a resultados deletérios na maturação microestrutural da substância branca

O consumo de álcool está associado ao desenvolvimento microestrutural alterado do cérebro1 do adolescente? Em estudo publicado no JAMA Psychiatry, adolescentes que consumiam álcool excessivamente exibiram redução significativa da anisotropia fracionada de todo o cérebro1. Esses resultados apoiam o conceito de maior vulnerabilidade aos agentes ambientais, incluindo o álcool, associada ao desenvolvimento atenuado dos principais tratos de substância branca no início da adolescência.
1 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
- 14/01/2021
Estudo mostra que o burnout é empiricamente distinto da depressão e ansiedade em profissionais de terapia intensiva, destacando a necessidade de triagem

Estudo mostra que o burnout é empiricamente distinto da depressão e ansiedade em profissionais de terapia intensiva, destacando a necessidade de triagem

Estudo publicado pelo JAMA Network Open, com profissionais de saúde1 de UTIs no Brasil, descobriu que o burnout era estatisticamente diferente da ansiedade e da depressão. Esses achados sugerem que os profissionais de saúde1 com alto risco de estresse precisam ser triados para o burnout e os sintomas2 clínicos, como ansiedade e depressão, para fornecer tratamento oportuno e eficiente.
1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
- 12/01/2021
Descompressão cirúrgica dentro de 24 horas após lesão medular aguda está associada a uma melhor recuperação sensório-motora

Descompressão cirúrgica dentro de 24 horas após lesão medular aguda está associada a uma melhor recuperação sensório-motora

Estudo publicado no The Lancet Neurology buscou avaliar objetivamente o efeito do momento da cirurgia descompressiva para lesão1 medular aguda em resultados neurológicos de longo prazo. Descobriu-se que a descompressão2 cirúrgica em 24 horas após a lesão1 medular aguda está associada a uma melhor recuperação sensório-motora. As primeiras 24-36h após a lesão1 parecem representar uma janela de tempo crucial para atingir a recuperação neurológica ideal com cirurgia descompressiva após lesão1 medular aguda.
1 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
2 Descompressão: Ato ou efeito de descomprimir, de aliviar o que está sob efeito de pressão ou de compressão.
- 19/01/2021
Estudo sugere que infecção do corpo carotídeo pelo SARS-CoV-2 pode ser responsável pela hipoxemia silenciosa em pacientes com COVID-19

Estudo sugere que infecção do corpo carotídeo pelo SARS-CoV-2 pode ser responsável pela hipoxemia silenciosa em pacientes com COVID-19

Em estudo publicado no periódico Function, pesquisadores buscaram compreender a falta de oxigênio no sangue1 de pacientes com COVID-19. Eles sugerem que a “hipoxemia silenciosa” pode ocorrer pela infecção2 do corpo carotídeo3 pelo SARS-CoV-2. Como essa estrutura é o principal quimiorreceptor arterial, cujas células4 sensíveis ao O2 normalmente detectam um declínio na tensão arterial de oxigênio, a inibição da responsividade do corpo carotídeo3 à hipóxia5 pode ser uma explicação plausível para o impulso respiratório prejudicado e a redução da dispneia6 que caracterizam a “hipoxemia silenciosa” observada em pacientes com COVID-19.
1 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
2 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
3 Corpo Carotídeo: Pequeno grupamento de quimiorreceptores e células de suporte localizado na bifurcação da artéria carótida interna. O corpo carotídeo, ricamente suprido com capilares fenestrados, é sensível ao pH e às concentrações de dióxido de carbono e oxigênio no sangue, e desempenha um papel crucial no controle homeostático destas substâncias.
4 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
5 Hipóxia: Estado de baixo teor de oxigênio nos tecidos orgânicos que pode ocorrer por diversos fatores, tais como mudança repentina para um ambiente com ar rarefeito (locais de grande altitude) ou por uma alteração em qualquer mecanismo de transporte de oxigênio, desde as vias respiratórias superiores até os tecidos orgânicos.
6 Dispnéia: Falta de ar ou dificuldade para respirar caracterizada por respiração rápida e curta, geralmente está associada a alguma doença cardíaca ou pulmonar.
- 13/01/2021

Elogios, críticas ou sugestões

Seu nome:
Seu email:
Mensagem:

  • Entrar
  • Assinar